Blogup
   



BRASIL, Nordeste, NATAL, RIBEIRA, Homem, de 46 a 55 anos, Portuguese, French, Livros, Esportes
Outro -
Histórico
Outros sites
UOL - O melhor conteúdo
BOL - E-mail grátis
Perto do Coração Selvagem
nozarte
telescopionegro
queridoleitor
carloscareqa
linaldoguedes
blocosonline
marialimeira
abba
revistapoetizando
waldir leite
poetasdeguarulhos
blônicas
marcelotas
Soraia direto...
la vie est belle
Blog do André
Gerald Thomas
Flavia Lippi
stockadas
avant_derniere
diariosdenuvens
tabua de mares
almadobeco
alfabeto
subhadro
spmetrople
leiluka
focando
numerologia
babalaika
benito barros
seicho-no-ie
rodrigo hammer
mensageiros
barreiras-diogolopes
marcos caiado
mixbrasil
abran
overmundo
dalai lama
marcelo eliab - astrólogo
osho
nalatadopoeta
regina barros
libertas
joão paulo cuenca
tribuna do norte
cora ronai
avenida copacabana
laura vive
jornal de hoje
jornaldehoje
radar potiguar
caros amigos
carosamigos
thestonewall
bbc - brasil
kibeloco
pensar enlouquece
blog de marcelo coelho
fernando pessoa
sentimentos - vanilde rego
luz de luma
luiz carioca
somostodosum
100querer
palavra e destino
blog do renato
inspirais - patrícia
google
deunojornal
rasuras (ana peluso)
altavista
rascunhos e acabados
sampafobia
um ser diferente
no divã com marcelo ribeiro
guga cruz
alexsens
alexsens II
lino resende
trajedia ( gabriel )
lilita livre
marcelino freire
santiago nazarian
portal g1
coisas do bem
dicas do bem
janmedeiros
tião maia
impressões de fevereiro
conversa afiada
moura ao luar
fina flor ( monica montone)
contos bregas
antônio cícero
eucanaã ferraz
patrício júnior
blairponjinha
a gente sempre tenta
certos dias
caulus
prozac com fanta uva
tereza bresani
bombando
orientação - psi
jean wyllys
bresani
diversos-afins
alex sens
pre-historia-nordestina
relatoriodacoisa
franklin jorge

Votação
Dê uma nota para meu blog

 


PÓLEN

(André Luís Gabriel)

tempos de paz
flores habitam a boca do canhão
na velha fortaleza


fonte: blog "trajedia"

Escrito por Tertu às 07h13
[] [envie esta mensagem] []




ansiedade é o teu nome. passeia na praia, na esperança de uma resposta que talvez não venha.não como eu gostaria (?). teus olhos na tela me espreitam todas as manhãs. perseguem-me em todos os momentos.

e eu me digo: espera,espera... até quando? o tempo dirá.

o tempo te trará até mim.

"forças ocultas,deuses do céu, do mar..."



Escrito por Tertu às 07h09
[] [envie esta mensagem] []




 
 " tu que enlouqueces
preso às minhas crinas
quando voamos através dos astros;
tu que me moras
que me curas da febre que ardo,
dentro de ti caminha o leopardo
que luta com a solidão."
 
Vital Lima
(in "Tom Zine O Blog") - http://paredesteto.blogspot.com/
fonte: blog  "poetasdeguarulhos"


Escrito por Tertu às 13h08
[] [envie esta mensagem] []




coisas da terra da gente

hoje à tarde participei de uma reunião do conselho de clientes dos supermercados nordestão.

claro que me senti honrado. as coisas mudaram muito nesse sentido. atualmente, o cliente opina, critica, contribui e muda o rumo do comércio, em função de uma melhor qualidade de vida.

o nordestão,loja 2 ,petrópolis, tem um excelente atendimento. parabéns, equipe nordestão!

www.nordestao.com.br 



Escrito por Tertu às 20h19
[] [envie esta mensagem] []




Zé Pelintra

Itamar Assumpção

Composição: Waly Salomão

Zé Pelintra desceu, Zé Pelintra baixou
É ele que chega e parte a fechadura
Do portão cerrado
Zé Pelintra desceu, Zé Pelintra baixou
É ele quem chamega, quem penetra
Em cada fresta e rompe o cadeado

E quando Zé Pelintra pinta na aldeia
O povo todo saracoteia
Aparta briga feia, terno branco alinhado
Cabelo arapuá de brilhantina besuntado
Ele do ovo é a porção gema, bebe sumo de jurema
Resolve impossível demanda
Homem elástico, homem borracha
Desliza que nem vaselina
Saravá à sua banda
(Saravá, saravá)

É ele quem abre uma brecha,
Acende uma mecha no breu,
Desparafusa a rosca e seu cavalo sou eu

Zé Pelintra desceu, Zé Pelintra baixou
É ele que chega e parte a fechadura
Do portão sem muro
Zé Pelintra desceu, Zé Pelintra baixou
É ele quem chamega, quem penetra
Em cada fresta e rompe o cadeado


type=text/javascript> letras acima
faça seu pedido com fé. ele atende.ale Conosco


Escrito por Tertu às 06h02
[] [envie esta mensagem] []




  " Deus   está comigo !"



Escrito por Tertu às 13h29
[] [envie esta mensagem] []




 

 

 

 

Oração à Nossa Senhora Desatadora dos Nós

Nossa Senhora Desatadora dos Nós

Santa Maria, cheia da presença de Deus, durante os dias de tua vida aceitastes com toda a humildade a vontade do Pai, e o Maligno nunca foi capaz de envolver-lhe com suas confusões. Junto a Teu Filho, intercedestes por nossas dificuldades e, com toda paciência, nos destes exemplo de como desenrolar as linhas de nossa vida. E, ao se dar para sempre como nossa Mãe, pões em ordem e fazes mais claros os laços que nos unem ao Senhor.

Santa Maria, Mãe de Deus e nossa Mãe, Tu que com coração materno desatas os nós que entorpecem nossa vida, te pedimos que recebas em tuas mãos a(o)...  e que a(o) livres das amarras e confusões com que a(o) castiga aquele que é nosso inimigo.

Por tua graça, por tua intercessão, com teu exemplo, livra-nos de todo o mal, Senhora Nossa, e desata os nós que impedem de nos unirmos a Deus para que, livres de toda confusão e erros, O Louvemos em todas as coisas, coloquemos Nele nossos corações e possamos Servi-lo sempre através dos nossos irmãos. Amém!

Nossa Senhora Desatadora dos Nós, rogai por nós!

************************

Oração do Pai Nosso

Pai nosso, que estais no Céu, santificado seja o vosso nome, venha a nós o vosso Reino, seja feita a vossa Vontade, assim na Terra como no Céu. O pão nosso cada dia nos dai hoje, perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido; e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

************************

Ave Maria

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

************************

Glória ao Pai

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

não há nó que ela não desate!!! peça com FÉ!


Escrito por Tertu às 06h07
[] [envie esta mensagem] []




dimanche soir,

não aguento mais, chame o  síndico. ai,eu não sou de ferro...

ontem à  tarde, caipirosca. meu coração acelerou (tac.tac. taquicardia...).

e ninguém percebia minha agonia.

banho de bica, de sunga preta. conversa ao pé do ouvido (ou do muro?).

e os orixás respondendo. e eu agradecendo...

esperar que o tempo tudo cura, o tempo  a tudo resolve.

à noite, convite para tomar johnie walker. claro que fui. papo carinhoso acompanhado de caranquejo e camarão.

tenho muita sorte!!!



Escrito por Tertu às 13h34
[] [envie esta mensagem] []




 A GRANDEZA  DO  SILÊNCIO 

 

O silêncio é doçura:
quando não respondes às ofensas,
quando não reclamas os teus direitos,
quando deixas a Deus a defesa da tua honra.
  
O silêncio é misericórdia:
quando te calas diante das faltas de teus irmãos,
quando perdoas, sem remoer o passado,
quando não condenas, mas intercedes em segredo.
  
 O silêncio é paciência:
quando sofres sem te lamentares,
quando não procuras consolação junto aos homens,
quando não intervéns, esperando que a semente germine lentamente.
  
  O silêncio é humildade:
quando te apagas para deixar aparecer teu irmão,
quando, na discrição, revelas dons de Deus,
quando suportas que tuas ações sejam mal interpretadas,
quando deixas os outros a glória da obra inacabada.
  
 O silêncio  é  fé:
quando te apagas, sabendo que é Ele quem age...
quando renuncias às vozes do mundo para permanecer na Sua presença...
quando te basta que só Ele te compreenda.
 

Juliana Pontelo

Seicho-no-Ie do Brasil
Regional Natal - RN

84 3231-1213

seichonoie.regionalnatal@yahoo.com.br





Escrito por Tertu às 13h19
[] [envie esta mensagem] []




Aqueles Olhos Verdes

Milton Nascimento

Composição: Nilo Menendez, Adolfo Utrera, João De Barro

Aqueles olhos verdes
Translúcidos serenos
Parecem dois amenos
Pedaços do luar
Mas têm a miragem
Profunda do oceano
E trazem todo o engano
Das procelas do mar

Aqueles olhos verdes
Que inspiram tanta calma
Entraram em minh'alma
Encheram-na de dor
Aqueles olhos tristes
Pegaram-me tristeza
Deixando-me a crueza
De tão infeliz amor

Aquellos ojos verdes
Serenos como un lago
En cuyas quietas aguas
Un día me miré
No saben las tristezas
Que en mi alma han dejado
Aquellos ojos verdes
Que yo nunca besaré



Escrito por Tertu às 07h24
[] [envie esta mensagem] []




Santo Expedito
Santo Expeditosim, os santos e os orixás responderam. muito obrigado!!!


Escrito por Tertu às 06h44
[] [envie esta mensagem] []




ANTES DE DESEJAR SER AMADO, TOME A INICITIVA DE AMAR.

 
Do ponto de vista da Psicologia, doença é manifestação do anseio de ser amado, é o estado de buscar o amor. Por isso, se tratarmos a pessoa doente com amor verdadeiro, ela se curará. Contudo, é preciso também que o próprio doente tome a iniciativa de amar, pois a manifestação de amor conduz à cura. É fato que “Quem ama, é amado”.

Livro: Mensagens de Luz



Escrito por Tertu às 13h05
[] [envie esta mensagem] []




Ternura Antiga

Alcione

Composição: Dolores Duran

Ai, a rua escura, o vento frio
Essa saudade, esse vazio
Essa vontade de chorar.

Ai, tua distância tão amiga
Essa ternura tão antiga
E o desencanto de esperar.

Sim, eu não te amo porque quero.
Ah, se eu pudesse esqueceria.

Vivo, e vivo só porque te espero.
Ai, esta amargura, esta agonia.

esta música ,interpretada por alcione e maria bethânia é  tudo de bom!



Escrito por Tertu às 07h09
[] [envie esta mensagem] []




quero desconstruir meus paradigmas. acender velas para ogum, iemanjá e santo expedito.

quero ,mais uma vez, fitar teus olhos verdes, em busca de uma possível resposta.

e me sinto cada vez mais seguro das incertezas. nada certo, tudo muda. meu sonho continua.

os desenhos na madrugada, os projetos a curto prazo, tudo me envolve. tudo são carícias do melhor que virá. tenho certeza.

e você  ,ali, sem nada  saber dos meus pensamentos...



Escrito por Tertu às 06h35
[] [envie esta mensagem] []




só recebemos quando doamos

Se desejamos receber o calor do Sol, devemos primeiro dar um passo em direção ao local ensolarado. Sem darmos esse passo, não será possível recebermos o calor do Sol. Para tirarmos fotos, precisamos antes pagar o preço de uma máquina fotográfica. Podemos tomar emprestada uma máquina, mas de qualquer modo, temos de oferecer a ação de apertar o disparador após acertar o foco. Se queremos ouvir música, temos de oferecer antes uma ação, ou seja, comprar o ingresso de um concerto, comprar um disco, ligar a vitrola ou sintonizar o rádio.

fonte: " Preceitos de Luz " - Coleção  Masaharu Taniguchi - vol.1



Escrito por Tertu às 06h15
[] [envie esta mensagem] []


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]