Blogup
   



BRASIL, Nordeste, NATAL, RIBEIRA, Homem, de 46 a 55 anos, Portuguese, French, Livros, Esportes
Outro -
Histórico
Outros sites
UOL - O melhor conteúdo
BOL - E-mail grátis
Perto do Coração Selvagem
nozarte
telescopionegro
queridoleitor
carloscareqa
linaldoguedes
blocosonline
marialimeira
abba
revistapoetizando
waldir leite
poetasdeguarulhos
blônicas
marcelotas
Soraia direto...
la vie est belle
Blog do André
Gerald Thomas
Flavia Lippi
stockadas
avant_derniere
diariosdenuvens
tabua de mares
almadobeco
alfabeto
subhadro
spmetrople
leiluka
focando
numerologia
babalaika
benito barros
seicho-no-ie
rodrigo hammer
mensageiros
barreiras-diogolopes
marcos caiado
mixbrasil
abran
overmundo
dalai lama
marcelo eliab - astrólogo
osho
nalatadopoeta
regina barros
libertas
joão paulo cuenca
tribuna do norte
cora ronai
avenida copacabana
laura vive
jornal de hoje
jornaldehoje
radar potiguar
caros amigos
carosamigos
thestonewall
bbc - brasil
kibeloco
pensar enlouquece
blog de marcelo coelho
fernando pessoa
sentimentos - vanilde rego
luz de luma
luiz carioca
somostodosum
100querer
palavra e destino
blog do renato
inspirais - patrícia
google
deunojornal
rasuras (ana peluso)
altavista
rascunhos e acabados
sampafobia
um ser diferente
no divã com marcelo ribeiro
guga cruz
alexsens
alexsens II
lino resende
trajedia ( gabriel )
lilita livre
marcelino freire
santiago nazarian
portal g1
coisas do bem
dicas do bem
janmedeiros
tião maia
impressões de fevereiro
conversa afiada
moura ao luar
fina flor ( monica montone)
contos bregas
antônio cícero
eucanaã ferraz
patrício júnior
blairponjinha
a gente sempre tenta
certos dias
caulus
prozac com fanta uva
tereza bresani
bombando
orientação - psi
jean wyllys
bresani
diversos-afins
alex sens
pre-historia-nordestina
relatoriodacoisa
franklin jorge

Votação
Dê uma nota para meu blog

 


amanhã, domingo de carnaval, desfile das  kengas, com show de alcione. imperdível! a partir das 15 horas, no cruzamento  da ulisses caldas com vigário bartolomeu.

Escrito por Tertu às 11h07
[] [envie esta mensagem] []




Agradecer significa ligar-se à corrente das dádivas

Quando queremos acender uma lâmpada, devemos antes de tudo ligar o interruptor. Oferecemos primeiramente a nossa energia e recebemos depois a luz. O Sol está brilhando,mas, para recebermos a sua luz, devemos abrir os nossos olhos. Desse modo, já recebemos todas as dádivas: porém, só nos será possível usufruí-las quando agradecermos a elas. Agradecer equivale a ligar o interruptor. 

Preceitos de Luz - caminho - coleção Masaharu Taniguchi



Escrito por Tertu às 09h06
[] [envie esta mensagem] []





In Margens
Palavra e Destino
Focando
João Pedro Roriz
Xangai
Curvas Concretos Quadris
Porta Curtas
Voando pelo céu da boca
Cinema BR em Movimento
Ana Lúcia Meinhardt
Ilhandarilha
Ânkoras & Asas
Lady Sophia
Bragas e Poesia
Umbigo do Sonho
Inscrições
Strange Fruit
Adelmo Santos
29 Fragmentos
Manuca Almeida
Palavrarte
Alma de Poeta
Celso Fonseca
Ana Peluso
Sala Fernando Pessoa
Kity Amaral
Wellington de Medeiros
Andréa del Fuego
Estrela de Centauro
Cássio Amaral
Portal Literal
Anjo Baldio
Ao fim da noite
Casa de Burlesco
Brutti
Alecrim
Espelho d'água
Selmma Carvalho
Rafael Nolli
De Tequila e Arredores
Mariza Lourenço
André de Leones
Pulsar Poético
Antonio Paim
Trama Bacana
Muros de Vento
Verso Reverso Converso
Amarelo Ainda
Revista Agulha
Evandro Teixeira
Alice Sant'Anna
Paulinho Moska
Vomitando Imagens
Gilbert Antonio
Crônicas Cariocas
Almofariz
Cant



JANELA POÉTICA (I)

Mônica de Aquino


A um átimo
do amo-te
temo-te.

A um istmo
do íntimo
mente.

De cor, somente
o silêncio:
continente.

E a linguagem,
cortejo
(périplo).

Mas o amor:
arquipélago.


(A poeta mineira Mônica de Aquino já publicou seus escritos em antologias e em páginas eletrônicas do Brasil e do exterior. Seu primeiro livro, Sístole, foi lançado em junho de 2005 (Editora Bem-te-vi). Participou de vários eventos apresentando seus poemas, dentre eles o Terças Poéticas, realizado pela Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais, a Primavera dos Livros, em São Paulo, e a Feira do Livro de Porto Alegre)




Ilustração: Fao Carreira









JOÃO DAS ÁGUAS

Tânia Gazito


Naquele pedaço do mundo, ninguém estranhava que o menino de três anos ainda não tivesse nome - a terra rachada em secura, o peito magro das mães, melhor mesmo era esperar e ver se a criança vingava. Vingou. Então o pai levou-o até o notário mais próximo, e já era tão longe. Deu-lhe o nome de João das Águas. O "João" foi escolha da Maria, para que o santo protegesse a cria; o "das Águas" o homem inventou no caminho - debaixo do sol ardido, vendo verde nenhum, se deu conta do lume nos olhos do menino, pareciam até refletir um rio de fecundas águas. Pois foi matutando que já era tempo da esperança voltar.


(A paulista Tânia de Souza Gazito se diz fascinada por gente, arte, cultura popular, natureza e pela vida. Os livros são seu amor antigo e ela não se considera escritora, apenas fica feliz em brincar no mundo das palavras, quase sempre para falar dessas pequenas histórias que vivem por aí, no encontro com as pessoas, em qualquer canto da cidade)







Ilustração: Fao Carreira








JANELA POÉTICA (II)


ODE A ESTAMIRA*

Fabrício Brandão



Estamira


uma certa cara rajada
e eu cato verbos no monturo
para limpar as falsas purezas

abraço a companhia dos invisíveis
pois eles justificam a minha intensa vontade
de não entender o solo que esmago

a boca tritura a razão que inventei
quando sei berrar ao divino
minha sã doutrina

fui apedrejada pelos restos do cometa esperado
mas, mesmo assim,
sei amansar águas com os olhos



*Para Estamira, nobre catadora de sonhos.







Ilustração: Fao Carreira








Escrito por Tertu às 08h27
[] [envie esta mensagem] []




http://casadoconsultor.zip.net

http://blairponjinha.blog.uol.com.br

http://coelhocarvalho.zip.net

http://jr.balestra.blogspot.com

http://profjosenilton.wordpress.com

http://pedrofreirefilho.zip.net

http://srferreira.zip.net

http://titolivio.zip.net

http://tertu1.blog.uol.com.br

 

agradecendo ao  betho ( http://nsides.blog.uol.com.br)  e repassando aos amigos!!! valeu!!!



Escrito por Tertu às 15h51
[] [envie esta mensagem] []




   você  já massageou alguém hoje, ou já foi massageado???   dê-se esse prazer!!!foto : site " evoé"



Escrito por Tertu às 15h41
[] [envie esta mensagem] []




: SABEDORIA NA VELHICE


Duas mulheres boas, boas mesmo, mas mesmo muito boas, resolveram gozar com
um velhinho com mais de 80 anos.

Aproximaram-se e disseram-lhe:

- Ó velhinho, diz-nos uma coisa. O que é que farias com duas mulheres tão
boas como nós?

- Só com duas não fazia grande coisa. Mas com mais quatro ou cinco, abria
um puteiro!

vamos rir, né?! contribuição de raílton.

Escrito por Tertu às 15h35
[] [envie esta mensagem] []





PARA OS QUE RIEM ALEGREMENTE, ABRE-SE A PORTA DA SAÚDE E DA FELICIDADE.

 
O sorriso alegre e o sentimento de gratidão produzem sangue puro e sadio. Por mais remédios que alguém tome para estimular a produção de sangue, isso de nada lhe adiantará se ele estiver turvando o sangue com a mente sombria. Muitos doentes não conseguem a cura por essa razão. Deteriorando-se a mente, deteriora-se o corpo; deteriorando-se a mente, deterioram-se os negócios. Diz-se que “a felicidade entra no lar onde soam risos de alegria”. Nenhum método de promover a saúde e a felicidade é melhor do que o sorriso alegre.

Livro: Mensagens de Luz.

você já deu uma boa  gargalhada  hoje?

 



Escrito por Tertu às 12h12
[] [envie esta mensagem] []




não, não fui ao carnarocas...

mas soube ontem,no leo, que foi maravilhoso!

precisava descansar,para o domingo da seicho-no-ie, pois tinha vindo do baile das kengas. é importante saber recuar no momento certo.



Escrito por Tertu às 07h33
[] [envie esta mensagem] []




É tempo de romã
Ela tem tantas virtudes para a saúde que vale a pena criar o hábito de consumi-la todos os dias. Um poderoso hidratante e antioxidante, seu extrato encontra cada vez mais espaço na indústria da beleza. Aproveite a estação para mergulhar de cabeça nos benefícios desta exótica fruta.
Texto: Simone Ota
Reportagem Fotográfica: Michele Moulatlet
Fotos: Cacá Bratke
A romã não atrai apenas sorte e fartura, prometidas pela simpatia popular a quem chupar seis sementes da fruta todo 6 de janeiro, Dia de Reis. Há evidências de que a ingestão diária do suco feito com a casca, as sementes e a polpa (sim, tudo junto!) ajuda a controlar a pressão arterial, reduzir o colesterol ruim (LDL) e prevenir o câncer de mama e de próstata. Segundo a bioquímica Fernanda Archilla Jardini, da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo (USP), “ainda não foram realizados testes em humanos, mas as células tumorais in vitro tratadas com a bebida tiveram seu crescimento inibido”. Já os efeitos sobre a pressão e o colesterol estão comprovados desde 2001 por estudos do bioquímico norte-americano Michael Aviram, do Rambam Medical Center, em Haifa, Israel.
ALIMENTO SAGRADO
A bebida já entrou para a história, mais precisamente no período que vai de 970 a 930 a.C., durante o reinado de Salomão, em Israel. Diz a lenda que o soberano, conhecido como o mais sábio dos reis, encontrou no vinho da romã a força para contentar suas 700 esposas e 300 concubinas. Por gratidão, ele mandou esculpir a fruta no alto das colunas de seu templo, onde hoje se encontra o Muro das Lamentações, em Jerusalém. Era para lá que os judeus levavam as romãs e outros seis alimentos sagrados (trigo, cevada, figo, uva, azeitona e tâmara) na Festa de Pentecostes (Shavuot), que acontece sete semanas após a Páscoa.
“A fruta também faz parte do ritual da passagem do ano-novo judaico. Nesse dia, as pessoas engolem as sementes para que seus méritos sejam multiplicados durante o ano. Há ainda a crença de que uma romã possui 613 sementes, o mesmo número de mandamentos escritos da Torá”, conta Cecília Ben David, coordenadora pedagógica do Centro de Cultura Judaica, em São Paulo.
O rei Salomão não foi o único governante a se render à fruta. Em ocasiões especiais, os imperadores romanos pregavam na roupa uma espécie de medalha feita com uma fatia fina de romã para simbolizar o poder e a fartura. No Egito e na Fenícia antigos (atual Líbano e Síria), os frutos e as folhas da romãzeira eram usados em cerimônias religiosas e colocados nos túmulos de sacerdotes e reis como oferenda.
SÍMBOLO DE FERTILIDADE
Entre os plebeus, a romã ganhou outros significados, como amor, união, casamento e fertilidade, todos relacionados à grande quantidade de sementes que a fruta contém e à forma harmoniosa como elas se entrelaçam em sua polpa – na Grécia, por exemplo, era comum as mulheres consumirem romã em eventos religiosos para evocar a fertilidade. Conta a mitologia que Deméter, a deusa da terra e da agricultura, deixou a vegetação morrer e a fome se instalar no planeta enquanto vagava à procura da filha, Perséfone, raptada por Hades, o deus das profundezas. Diante do caos, Zeus foi obrigado a interceder e exigiu a libertação da moça desde que ela não tivesse comido nada no inferno. Mas Perséfone não resistiu aos seis grãos vermelhos da romã oferecidos por Hades e, por isso, foi condenada a passar parte do ano com o marido no inferno e outra ao lado da mãe, que anualmente enchia a terra de flores e frutos para comemorar o reencontro. Perséfone, então, simboliza a semente, que precisa ser enterrada para poder germinar depois.





Escrito por Tertu às 07h29
[] [envie esta mensagem] []








A amizade é uma alma feita de dois corpos.

foto: blog de "waldir leite"

Escrito por Tertu às 08h57
[] [envie esta mensagem] []


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]